no-style


FUNCIONÁRIOS DA ELETROBRAS ALAGOAS DEVEM ENTRAR EM GREVE POR TEMPO INDETERMINADO




Trabalhadores da Eletrobras param serviços por 72 horasJustiça do Trabalho suspende processo de privatização de distribuidoras da Eletrobras
Confira, na íntegra, a nota oficial:


Os trabalhadores e trabalhadoras da Eletrobras e Chesf iniciaram no dia 11/06 uma paralisação contra a entrega da estatal a grupos estrangeiros e o atual presidente, Wilson Pinto Júnior, colocado exclusivamente para privatizar a Eletrobras. A paralisação é de 72 horas em todo o Brasil. Em Alagoas, os/a trabalhadores/a se reuniram no prédio sede da empresa, em Maceió, onde aprovaram a continuidade da paralisação e um indicativo de greve por tempo indeterminado a partir do dia 25/06.

Além disso, a assembleia rejeitou a proposta da empresa para o ACT 2018/2019. A proposta foi de 70% do INPC para todas as cláusulas, a retirada das cláusulas de Norma e Regulamento e Política de Transferência e, que cada distribuidora teria seu acordo próprio.

A mobilização continua nesta terça-feira dia 12/06, tendo como mote a não privatização do sistema Eletrobras e fora o atual presidente da empresa Pinto Júnior.





Por: TNH1






Postar um comentário

0 Comentários