FLAGRANTE:ADVOGADO E MAIS TRÊS SÃO PRESOS POR COMPRA DE VOTO( VEJA VÍDEO)


Um dos suspeitos foi preso com a quantia de R$ 5.000 em espécie, guardados dentro da cueca | Cortesia ao TNH1

O advogado Luiz Carlos Teles da Silva, de 45 anos, e mais três pessoas foram presas suspeitas de venda de votos para dois candidatos a deputado estadual e deputado federal ao pleito em Alagoas. As prisões foram realizadas na noite dessa sexta-feira (05), no bairro da Massagueira, município de Marechal Deodoro, região metropolitana de Maceió.


De acordo com informações da Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic), o grupo já vinha sendo investigado pelo crime de compra de voto previsto no artigo 299 do Código Eleitoral. Os candidatos citados pelos autuados serão investigados sob responsabilidade da Justiça Eleitoral.

Um dos suspeitos identificados como Sando Gomes de Melo foi preso com a quantia de R$ 5 mil em espécie, guardados dentro da cueca. Os outros dois envolvidos foram identificados como Valmir Francisco dos Santos, 55 anos, e José Delando Silva dos Santos, 36 anos.

Durante o flagrante, os policiais apreenderam 15 cópias de títulos de eleitor obtidos como garantia dos votos comprados.

Ainda segundo a polícia, um dos autuados confessou que os votam eram comprados a R$ 100. Os detidos foram autuados na sede da Deic e o fato foi comunicado à Justiça Eleitoral.

O TNH1 não conseguiu contato com os citados na matéria, sendo assim, o espaço fica aberto para eventuais defesas.

Confira imagens do flagrante AQUI:

Por:Tnh1



Nenhum comentário:

Postar um comentário

As Mais acessadas da semana (Verdade Livre)