CÃO DO EX-PRESIDENTE BUSH DEITA JUNTO AO CAIXÃO DO DONO



O labrador Sully acompanhou o ex-líder norte-americano nos últimos meses



Neste domingo (2), o labrador Sully Bush, pertencente ao ex-presidente dos Estados Unidos George H. W. Bush, apareceu deitado ao lado do caixão do dono. Bush morreu no sábado (1º), aos 94 anos de idade, e foi velado em Washington.

Sully, de 2 anos, foi morar com Bush logo após a morte de sua esposa, a ex-primeira dama Barbara Bush, em abril. O labrador foi treinado para auxiliar o ex-presidente em diversas atividades diárias, como atender o telefone e buscar objetos.

Bush enfrentava um tipo de Parkinson que lhe impedia de caminhar e o deixou em uma cadeira de rodas nos seus últimos anos de vida, nos quais suas entradas e saídas do hospital foram constantes, principalmente por problemas respiratórios.

Com a morte de George H.W. Bush, Sully voltará ao Centro Médico Militar Nacional Walter Reed para ficar disponível a outro necessitado. O ex-presidente George W. Bush, filho mais velho de George H.W. Bush, lamentou a perda.

– Por mais que nossa família vá sentir falta desse cachorro, ficamos reconfortados em saber que ele trará a mesma alegria para sua nova casa, Walter Reed, que trouxe ao 41º presidente – afirmou.

Por: Pleno.News

Nenhum comentário:

Postar um comentário

As Mais acessadas da semana (Verdade Livre)