PARTICIPANTE DE GRUPO COMPARTILHA FAKE NEWS SOBRE GESTÃO PADRE ERALDO QUE SE ESPALHOU RAPIDAMENTE, VEJA NA PUBLICAÇÃO ABAIXO:

Imagem/ Internete


Conhecida na cidade por ser grande crítica da gestão Padre Eraldo (PSD), a popular Cândida, ontem espalhou uma fake News (notícia falsa) de um site desconhecido, no qual falava de superfaturamento de frango usado na merenda escolar de Delmiro Gouveia, em uma velocidade gigante a fake News se espalhou, e minutos após a Cândida apagou o post.



A notícia falsa chegou rapidamente a um dos fornecedores de frango do município, popularmente conhecido como “ Alexandre da Granja” que emitiu nota de esclarecimentos desmentido e provando os fatos, assim como informou que tomará medidas judiciais cabíveis.

O site italotimoteo.com.br publicou a nota de esclarecimento da empresa de Alexandre da Granja, em seguida, Candida também se retratou.

Manifestações favoráveis ao governo padre Eraldo ocorreram em redes sociais;

Usar de má fé para prejudicar algo ou alguém é de uma irresponsabilidade criminal. O blog e as pessoas q divulgaram devem ser punidos, TODOS, sem exceção. Basta, chega de incentivar fakes, de disseminar boatos e inverdades. Delmiro é uma cidade grande, o povo daqui deve pensar grande também. A prefeitura e a empresa devem acionar a justiça, essa acusação é gravíssima. As pessoas têm que aprender a procurar a fonte de qualquer informação. O público deve aprender a filtrar o que ouve e o que lê, principalmente se houver o interesse de compartilhar. Não medem as consequências, depois é tarde pra pedir desculpas. É a sede de poder que parece cegar as pessoas. É a vontade de prejudicar que as deixa afobadas. O desejo de não dar certo. A sina de se afirmar hipócrita, que nos mostra quem as pessoas são de verdade” frisou Pablo Victor em redes sociais sobre os lamentáveis fatos.

É importante lembrar ao leitores que internet não é campo sem lei, esta é regulada pelo Marco Civil da Internet, oficialmente chamado de Lei N° 12.965/14, é a lei que regula o uso da Internet no Brasil por meio da previsão de princípios, garantias, direitos e deveres para quem usa a rede, bem como da determinação de diretrizes para a atuação do Estado. Quem emite fake News é punido assim como quem espalha.


verdadelivre.com.br

Postar um comentário

0 Comentários