MÉDICO CHAMA PACIENTE DE BURRO E COBRA CONSULTA EM UPA

Imagem/ PixaBay



"...você é burro e não entende, por isso que você tá usando camisa do Flamengo, inclusive", disse o médico





Testemunhas flagraram um médico debochando e até cobrando dinheiro para continuar a consulta em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio. Nas imagens que circulam nas redes sociais, o médico chama o paciente de burro e afirma que atende apenas os casos mais complexos porque tem muito tempo de formado.

"...você é burro e não entende, por isso que você tá usando camisa do Flamengo, inclusive", disse o médico.

Ao terminar o atendimento, o médico afirma que o preço das próximas consultas é de R$ 50 para todo o mês. "...50 reais é a consulta pro mês todo. É só um preço simbólico pra esse cara não encher o meu saco, o diretor do hospital", declara.

De acordo com o G1, Jonathan Gonçaves Mendes disse que foi atendido pelo médico na madrugada de quinta-feira (7). Ele gravou a consulta pelo celular e disse que o médico estava transtornado.

Uma outra paciente, que preferiu não se identificar, afirma que foi atendida pelo médico e, segundo ela, o homem "parecia não estar sóbrio".

A reportagem do RJ2 esteve na UPA na tarde de sábado (9) para tentar entrevistar algum representante e foi informada que o diretor só estaria na unidade na manhã deste domingo (10). Nas redes sociais, o médico relatou à produção da Inter TV que foi desligado da UPA de Cabo Frio. Ele não quis dar entrevista ou mandar uma nota sobre as denúncias.

A Prefeitura de Cabo Frio informou que o médico foi exonerado. A comissão de ética da UPA vai encaminhar o relatório ao Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro (Cremerj).

O Cremerj ainda não se manifestou sobre o caso.

Por: Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

As Mais acessadas da semana (Verdade Livre)