no-style


POLÍCIA DESMONTA MATADOURO APÓS DENÚNCIA DE VENDA DE CARNE DE CAVALO COMO BOVINA

imagem: Cortesia

A polícia desmontou um matadouro clandestino em Arapiraca, no Agreste de Alagoas, na manhã desta quarta-feira, 11, depois de receber uma denúncia sobre suposta comercialização de carne de cavalo como carne bovina. Um homem foi preso e vários quilos da carne foram apreendidos.



A operação foi realizada por policias civis da 4ª Delegacia Regional de Polícia (DRP), sob o comando do delegado Guilherme Iusten. O dono do local segue recluso e só pode deixar a unidade de polícia após pagamento de fiança avaliada em R$ 5 mil.

Os policiais chegaram até o local através de denúncias anônimas, que apresentavam a suspeita de que cavalos estavam sendo abatidos no local e a carne sendo comercializada como carne de boi. O abate dos animais acontecia sem nenhum tipo de higiene e nem do uso de materiais de proteção.

A Agência de Defesa e Inspeção Agropecuária de Alagoas (Adeal) foi acionada. O homem, juntamente com a carne apreendida, foi encaminhado para Central de Polícia para a realização dos procedimentos cabíveis.

O matadouro clandestino funcionava em uma casa na rua José de Oliveira Lima, no bairro Zélia Barbosa Rocha.

Por:TNH1

Postar um comentário

0 Comentários