SEFAZ FLAGRA MAIS DE 300 MIL LITROS DE COMBUSTÍVEIS VENDIDOS SEM NOTA FISCAL EM SANTANA DO IPANEMA, DELMIRO GOUVEIA E ATALAIA

Imagem Assessoria


A Secretaria da Fazenda (Sefaz-AL) identificou mais de 300 mil litros de gasolina, álcool e diesel comercializados sem nota fiscal no interior do Estado, entre os dias 09 e 16. A iniciativa teve o apoio da Central de Central de Operação Estratégia e Fiscalização Interna (Coefi) e do Grupo de Trabalho (GT) Postos de Combustíveis para combater a sonegação fiscal em Alagoas.

 

Os auditores fiscais visitaram postos de combustíveis instalados em Santana do Ipanema, Delmiro Gouveia e Atalaia, flagrando irregularidades na entrada de combustível adquirido sem nota fiscal e saída de combustível comercializado sem emissão do documento fiscal. No total, teve uma autuação no valor de R$ 561.019,52.

 

O superintendente especial da Receita Estadual, Francisco Suruagy, enfatiza que o Fisco alagoano permanece em todas as suas frentes de ações e os postos fiscais em permanente luta pela justa e leal concorrência.

 

É injusto o bom contribuinte, que é a maioria dos contribuintes alagoanos, pagarem e terem prejuízo pela conduta de uma minoria sonegadora. Recebemos uma denúncia e fomos até o local para apurar a venda de combustível sem nota fiscal. Ações como essa serão frequentes. Postos fiscais, volantes, auditorias e malhas, todas as armas do Fisco em defesa do comerciante alagoano”, ressalta.

 

Por Assessoria

Postar um comentário

0 Comentários