no-style


"ITALIANA AUTOSTRADE" PAGARA 500 MILHÕES DE EUROS A GÊNOVA APÓS DESASTRE COM PONTE; NÚMERO DE MORTOS SOBE PARA 43

Familiares durante funeral de 19 vítimas da queda de ponte em Gênova (Foto: Massimo Pinca/Reuters)


A operadora italiana de rodovias espera que os investigadores oficiais determinem a responsabilidade pelo colapso do viaduto; neste sábado mais cinco vítimas foram resgatadas sem vida.




A operadora italiana de rodovias Autostrade per l'Italia, que administrava a ponte que desabou na cidade de Gênova, na Itália, nesta semana, destinou 500 milhões de euros (US$ 572 milhões) em investimentos à cidade portuária para ajudar na recuperação do desastre.

O número de vítimas mortais após o desabamento do viaduto subiu para 43 neste sábado, depois da morte de um dos feridos internados em estado grave, informaram fontes hospitalares.

Na terça-feira (14), um trecho de 200 metros da ponte de Morandi cedeu na hora do almoço, período de intenso tráfego, matando pelo menos 43 pessoas e cortando a principal ligação terrestre da cidade com o sul da França.

Giovanni Castellucci, presidente-executivo da Autostrade, que realizou a primeira coletiva de imprensa da empresa desde o desastre, expressou condolências pelas vítimas neste sábado.

Postar um comentário

0 Comentários