no-style


PROPRIETÁRIA DA BARRACA DE LANCHES QUE PEGOU FOGO NO PÁTIO DA FESTA EM DELMIRO DENUNCIA: NÃO FOI VAZAMENTO DE GÁS, O INCÊNDIO FOI CRIMINOSO



 Um incêndio destruiu a barraca “Petrolanches” que estava fixada no Pátio da Festa da Padroeira na cidade de Delmiro Gouveia, no sertão de Alagoas, na manhã de segunda-feira, (15), era ainda muito cedo, por volta das 7h da manhã.

De acordo com matérias de vários sites locais e com base nas informações do Corpo de Bombeiros que atenderam a ocorrência e controlaram o fogo, em levantamento, concluíram que o incêndio teria sido provocado por vazamento de gás. Ninguém ficou ferido e houve apenas danos materiais dando o caso por encerrado e explicado.

 Em entrevista ao repórter Edson Alves das Rádios Delmiro, a proprietária da barraca questiona à conclusão dos bombeiros e afirma que o incêndio foi criminoso.

Em sua fala D. Maria, proprietária, afirma: “Não foi vazamento do botijão pois minha barraca foi inspecionada pelos bombeiros de Serra Talhada PE, e a ligação elétrica é toda no padrão de segurança. Fechei a barraca as 4 horas da manhã e meu esposo verificou tudo, e após fechar e sair da barraca meu esposo retornou para pegar um remédio que teria esquecido, estava tudo normal, o que causou o incêndio foi maloqueiros que estavam fumando drogas e bebendo ao lado da barraca na árvore. 

A proprietária alega ainda que a festa em Delmiro não tem segurança, e relata:  outra barraca também teve início de incêndio nesse período,vários roubos em outras barracas, os bombeiros de Delmiro não fizeram inspeção, e deixa a desejar também a segurança oferecida pela PM e pela Guarda Municipal.

Revoltada D. Maria diz que o prejuízo foi de aproximadamente 40 mil reais de maquinários e mercadorias para trabalhar os 8 dias de festa,  e o carro também ficou avariado.
'Vim para Delmiro trabalhar como fiz durante 8 anos, e vou voltar dessa vez com uma mão na frente e outra atrás", concluiu.



Por Redação com informações do repórter Edson Alves/ Imagens: Repórter Anderson Cleyverson

Postar um comentário

0 Comentários