CONFIRMADO: CAUSA DA MORTE DE BOECHAT FOI POLITRAUMATISMO, DIZ LAUDO

Ricardo Boechat morreu em decorrência de politraumatismo Foto: Reprodução
Jornalista não tinha fuligem nos pulmões e apresentava pouco monóxido de carbono no sangue



O laudo do Instituto Médico Legal definiu que a morte do jornalista Ricardo Boechat foi causada por politraumatismo. Os exames também mostraram que não havia fuligem em seus pulmões e foi detectada baixa quantidade de monóxido de carbono no sangue. O canal GloboNews teve acesso exclusivo ao documento.

Ainda segundo o laudo, Boechat tinha traumas nas regiões torácica e abdominal.

Ricardo Boechat morreu em decorrência de politraumatismo Foto: Reprodução
O laudo do Instituto Médico Legal definiu que a morte do jornalista Ricardo Boechat foi causada por politraumatismo. Os exames também mostraram que não havia fuligem em seus pulmões e foi detectada baixa quantidade de monóxido de carbono no sangue. O canal GloboNews teve acesso exclusivo ao documento.

Ainda segundo o laudo, Boechat tinha traumas nas regiões torácica e abdominal.

ACIDENTE

O jornalista Ricardo Boechat, de 66 anos, morreu na última segunda-feira (11) em decorrência de um acidente de helicóptero, em São Paulo. A aeronave caiu em cima da rodovia Anhanguera e atingiu um caminhão. O piloto Ronaldo Quattrucci também morreu no acidente. Ainda não se sabe a causa exata da queda do helicóptero.

O motorista do caminhão atingido pela aeronave sofreu ferimentos leves.

Por: pleno.neuws


Postar um comentário

0 Comentários