GRÁVIDA PERDE BEBÊ APÓS MOTORISTA DE APP EXPULSÁ-LA DE CARRO PARA NÃO MANCHAR BANCO

Foto/Reprodução TVRecord

Com sangramento, mulher chamou condução para ir a hospital, mas teve que descer em posto de combustível

 Uma gestante perdeu o bebê que esperava, em São Paulo, depois que um motorista de aplicativo ordenou que ela descesse do carro para não manchar o banco do veículo. O caso aconteceu na  segunda-feira (24). As informações são da Record TV.

Daiany Franco, 31 anos, estava grávida de 13 semanas, quando teve um sangramento e resolveu ir para um hospital. Ela e a mãe chamaram um carro de aplicativo. O condutor não gostou de saber que Daiany estava com um sangramento e decidiu expulsá-la do automóvel, para não manchar o banco.

 De acordo com a vítima, o motorista disse diversas vezes que “se o banco do carro manchasse elas teriam que pagar”.

No meio do caminho, o homem desistiu da corrida e resolveu deixar as passageiras em um posto de combustíveis para que elas chamassem outro carro ou um resgate.

Reproção

Nas imagens das câmeras de segurança do posto, é possível ver quando mãe e filha descem do veículo.

Nas imagens divulgadas pela TV, a mãe de Daiany desesperada pede ajuda aos frentistas e carros que estão no local. Logo atrás aparece a gestante visivelmente com dor. Alguns minutos depois chega uma viatura da Polícia Militar e leva as duas para o hospital.

 Daiany passou por uma cirurgia após a perda do feto. Ela acredita que se o motorista a tivesse levado para hospital teria tido chances de ter salvado o bebê.

A plataforma da qual o motorista faz parte afirmou que ele foi bloqueado e que está prestando suporte à vítima.


Por:Correio 24h

Postar um comentário

0 Comentários