FORAGIDO ATIRA EM POLICIAIS CIVIS E ACABA PRESO NO INTERIOR DE PERNAMBUCO


Uma operação integrada que contou com a participação de policiais civis de Alagoas e de Pernambuco, prendeu, na última sexta-feira (20), um homem de 22 anos acusado de crimes de tráfico de drogas e homicídios nos dois estados.


Ele foi localizado e preso no sítio Carito, distrito de Sertãozinho de Cima, no município de Maraial, em Pernambuco.

De acordo com o delegado Isaias Rodrigues, da Policia Civil de Alagoas, titular da Delegacia Regional de Novo Lino (AL), o preso estava na condição de foragido, pois tinha mandado de prisão contra ele, mas conseguiu fugir das tentativas de captura feitas anteriormente, inclusive na operação denominada “Imperatriz”, realizada no dia 29 do mês passado nas cidades de Colônia Leopoldina (AL) e Maraial (PE), que prendeu sete integrantes de uma organização criminosa que agiam nos municípios.

No momento da abordagem conjunta dos agentes da Polícia Civil, o preso efetuou disparos contra os policiais, e por sorte a arma falhou não ferindo ninguém. Com ele foi apreendido uma pistola da marca Taurus, calibre 380, com a numeração raspada, com 7 munições, sendo três pinadas e quatro intactas.

O delegado Isaias Rodrigues disse ainda que o preso é bastante perigoso, e além de cometer homicídios e tráfico de drogas há várias denúncias contra ele por praticar arruaças e efetuar disparos em via pública. “Em 2019, numa tentativa de homicídio, ele efetuou disparos de arma de fogo contra pai e filho, uma criança com apenas sete meses de idade”, completou a autoridade policial.

Após a prisão, o foragido foi autuado em flagrante delito pela equipe da Polícia Civil da 81ª Circunscrição de Policia de Maraial (PE), comandada pelo delegado João Bosco.

 

por: ASCOM-PC

Postar um comentário

0 Comentários