MÉDICO QUE ENTROU EM AVIÃO DE MARÍLIA MENDONÇA APÓS QUEDA DESCREVE CENÁRIO.

Imagem/Internete

Médico do Samu responsável pelo primeiro atendimento aos passageiros do avião que caiu com Marília Mendonça, contou o que viu dentro da aeronave após o acidente. Além disso, testemunhas relataram que o avião girou no ar antes de cair na zona rural de Minas Gerais. Saiba detalhes.

 

Os últimos segundos de vida de Marília Mendonça, que morreu após a queda do avião em que estava, em Piedade de Caratinga, no interior de Minas Gerais, foram rodopiando no ar, dentro da aeronave que perdeu o controle possivelmente após se chocar com um cabo da linha de transmissão de energia da cidade. Segundo testemunhas do acidente, ouvidas pelo “Fantástico”, o avião voava muito baixo quando passava pelo local, pouco antes de cair.

Primeiro a entrar na aeronave, o soldado do Corpo de Bombeiros Rafael Libardi contou ao programa que logo reconheceu a cantora. “Me aproximei do avião, a porta do avião já estava aberta. Eu chamava, tentava verbalizar, tentava buscar uma resposta de alguém. Aí que eu fui me dar conta que realmente era Marília Mendonça”, afirmou.

Logo depois coube ao médico do Samu, Kleyton Ferreira de Carvalho, tentar encontrar algum dos tripulantes do voo com vida. “A aeronave estava bastante quebrada, tinha bastante destroços na aeronave, a bagagem estava sobre as vítimas. E, prontamente, eu fui em cada um para verificar se tinha sinais vitais, se estariam vivos, né? Eu reconheci que já estavam em óbitos, e aí depois que eu verifiquei todos os sinais vitais, e saí da aeronave”, descreveu.


webdiario

Postar um comentário

0 Comentários