HOMEM CONFESSA TER AMEAÇADO PASTORA QUE CELEBROU CASAMENTO ENTRE DUAS MULHERES EM MACEIÓ

Pastora celebra casamento entre duas mulheres em Maceió - Foto: Arquivo Pessoal

Ao prestar depoimento nesta terça (28), um homem confessou ter ameaçado a pastora batista Odja Barros, que celebrou um casamento entre duas mulheres em Maceió.

 

O jovem de 25 anos será indiciados por diversos crimes: ameaça, intolerância religiosa e homofobia. A informação foi divulgada pela delegada Luci Mônica.

“Em longo depoimento ele disse que não concorda com casamento de pessoas do mesmo sexo, como também não concordava com ateus. Disse ser uma pessoa cristã, e que era um teólogo, um estudioso da bíblia, e por isso não concordava com estas práticas”, contou.

O autor afirmou também que a imagem da arma de fogo utilizada na ameaça foi enviada por uma outra pessoa através de uma rede social.

A delegada do 9° Distrito Policial contou com o apoio da Delegacia de Crimes Cibernéticos, ligada à Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic) e do Grupo Especial de Apoio à Investigação Geai), da Polícia Civil, para encontrar o suspeito.


Por: Já é Notícia

Postar um comentário

0 Comentários