no-style


SAÚDE E BEM-ESTAR: PSICANALISTA CARLOS ALVES FALA DA IMPORTÂNCIA DO SETEMBRO AMARELO; “SUICÍDIO, PRECISAMOS FALAR SOBRE ISSO!”




Setembro Amarelo é uma campanha que acontece desde 2014 em todo o país e visa a conscientização sobre a importância da prevenção do suicídio. O período foi escolhido porque 10 de setembro é o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio. 1 de set de 2017.



O Psicanalista J.Carlos Alves falou a nossa reportagem sobre a importância e qual o objetivo da campanha de Setembro Amarelo.


O principal objetivo da campanha Setembro Amarelo é a conscientização sobre a prevenção do suicídio, buscando alertar a população a respeito da realidade da prática no Brasil e em todo o mundo. Para o Setembro Amarelo, a melhor forma de se evitar um suicídio é através de diálogos e discussões que abordem o problema."

Muitas vezes a discussão sobre o tema é deixada para “depois”, como se existisse uma espécie de tabu sobre o assunto. É ignorada pela maioria das pessoas a dimensão do problema e a quantidade de pessoas que ele atinge. Infelizmente, tirar a própria vida tem se tornado um mal cada vez mais comum,  e os dados da OMS provam que a depressão, assim como os demais problemas que incitam o suicídio são sim um problema de saúde pública, "Não fique calado, aprendemos com o Setembro Amarelo que “Falar é a melhor solução”,Concluiu.


Infelizmente para muitos, o suicídio ainda não é visto como um problema de saúde pública, mas sim uma espécie de fraqueza de conduta ou Dados sobre o suicídio.

 O psicanalista alerta,que o suicídio é a segunda principal causa de morte entre jovens com idades entre 15 e 29 anos, e cada 40 segundos estima-se que no mundo acontece um suicídio. No brasil 32 pessoas tiram suas próprias vidas por dia. Todos esses números poderiam ser evitados ou reduzidos quase que por inteiro se existissem políticas eficazes de prevenção do suicídio.

Portanto, ao escutar alguém falar constantemente que não aguenta mais, ou que tem vontade de dormir para sempre, que tem vontade de se enterrar em um buraco, frases constantes que apresentem sentimentos de tristeza, agressividade ou descontentamento, segundo J. Alves, tais percepções já indicam um sinal de alerta de que algo não está bem e que esta pessoa está precisando de ajuda. 





 Por Redação com  José Carlos Alves-Psicanalista clínico CBP 01162-AL
(Imagem aquivo pessoal)

Imagem: Redes Sociais


Postar um comentário

0 Comentários